Como escolher um personal trainer

A crescente busca pela melhora da qualidade de vida tem levado muitas pessoas à academia, no entanto, sabemos que a permanência e perseverança destes que entram não é uma curva também em ascensão. Neste caso, o que ocorre, infelizmente, é justamente o contrário, o número de pessoas que se mantém frequentes em suas atividades é uma curva em constante declínio. Iniciar uma atividade física é apenas o primeiro passo nesta busca, e sabemos que é preciso muita disciplina e força de vontade para continuar.

Personal Trainer como escolher

O estilo de vida, hábitos e horários de cada indivíduo que busca na academia uma vida mais saudável, são pontos fundamentais para manter sua frequência nas atividades. Claro que os resultados aparentes e motivações pessoais também contam muito nessa hora. Fato é que todos os itens citados acima são exclusivamente individuais. Cada um tem sua própria motivação, horários, hábitos e desejos por resultados distintos. A aceitação dessa realidade individual e desejo em manter a motivação até que se alcance os resultados esperados, são os principais fatores que tornam a busca pelo personal trainer uma constante em crescimento atualmente.

Pesar no bolso também é um grande motivador para muitos brasileiros, principalmente quando associam a ideia de pagar pelo serviço com a condição de “agora não tenho como correr!”. E, por falar nisso, preço é também um fator que devemos avaliar com cuidado na hora de contratar este serviço. Mas fique atento! Apesar de tentador, não é apenas o preço que devemos levar em consideração na hora de escolher um profissional que vai acompanhar o nosso treinamento individual. Para te ajudar a fazer uma escolha consciente do profissional ideal, levantamos alguns pontos que devem ser avaliados no personal trainer em questão:

Certifique-se que está contratando o serviço de um profissional qualificado

Existem algumas formas de garantir este ponto, como por exemplo, verificar se o personal tem registro no Conselho Regional de Educação Física – CREF (obrigatório entre profissionais de educação física), e se o mesmo tem especializações da área da saúde, por exemplo. Uma forma de conseguir estas informações é buscando o coordenador da sua academia.

Não tenha medo de pedir indicações

Consulte amigos, parentes, outros alunos da academia, o coordenador da sua academia ou até mesmo a internet. Profissionais que trabalham com eficiência sempre deixam seu rastro por onde passam e não há nada de errado em aprender com a experiência do próximo, muito pelo contrário.

Faça uma aula experimental

Esta e uma maneira prática de avaliar não apenas os pontos técnicos do profissional, mas também a sua empatia e sociabilidade, afinal, você pretende dedicar algumas horas da sua vida na companhia deste instrutor e é fundamental para sua permanência que este seja um momento agradável.

E lembrem-se sempre, o personal trainer ajuda, mas não faz milagres. Por isso, levante-se da cadeira e faça a sua parte!

Recomendamos para você:



1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem Votos Ainda)
Loading...

Comentar