Alecrim: Saiba benefícios, propriedades, contraindicações, como usar e mais..

O alecrim é uma erva originária do mediterrâneo e que atualmente é muito utilizada na culinária do mundo todo devido as suas propriedades aromáticas. Além disso ele também é utilizado para tratamentos de saúde e também na indústria de essências. São diversos os benefícios do alecrim.

Nesse texto falaremos um pouco mais para que serve o alecrim, mostrando suas propriedades, como usar e até mesmo dos efeitos colaterais que essa erva pode causar. Acompanhe!

Para que serve essa erva?

Essa é uma erva muito versátil, pois além de servir para ser usada como tempero em preparações culinárias serve também para diversos tipos de tratamentos de saúde devido as suas propriedades curativas.

Ele é muito utilizado também para a extração de essências aromáticas que são usadas em perfumes e cremes onde esse aroma é buscado.

Benefícios do Alecrim

Os benefícios do alecrim são diversos e bastante efetivos. Essa erva de aroma agradável e característico possui diversas propriedades que ajudam a melhorar diversos aspectos da saúde.

Para ajudar você a entender melhor esses benefícios, listaremos os principais abaixo:

Ajuda a combater os sintomas da gripe – Ele ajuda a diminuir a tosse, a asma e até mesmo a própria gripe. Isso pelo fato de o alecrim possuir propriedades expectorantes e também por ajudar a fortalecer o sistema imunológico.

Controla a pressão arterial – Ele possui propriedades anticoagulantes e ajuda melhorar a circulação sanguínea. Sua ação é muito semelhante a aspirina.

Melhora a cognição –  Rico em ácido carnósico que ajuda melhorar as conexões cerebrais, ajudando até mesmo na prevenção do Alzheimer.

Melhora a digestão – Essa capacidade se deve as propriedades antiespasmódicas que ajudam a diminuir o inchaço estomacal, dores abdominais, indigestão e constipação intestinal.

Combate inflamações – Contém ácido carnósico e ajuda a diminuir os níveis de acido nítrico presentes no corpo. O ácido nítrico é conhecido por estimular processos inflamatórios.

Melhora a saúde capilar – Massagear o couro cabeludo com chá de alecrim ajuda a estimular o crescimento saudável dos fios e também funciona no tratamento da caspa.

Melhora os sintomas de estresse – O alecrim ajuda a diminuir a produção de hormônios ligados ao estresse, ajudando a acalmar e relaxar a mente e os processos mentais.

alecrim

❱ Veja também todos os benefícios do Açafrão!

Veja as propriedades da erva

Como já pudemos ver o alecrim é cheio de benefícios para a nossa saúde. Abaixo colocaremos uma lista das propriedades dessa erva, são elas que garantem todos esses benefícios.

Utilizaremos como base 100g da erva, confira:

  • Calorias – 16,5.
  • Carboidratos – 2,6g.
  • Proteínas – 0,3g.
  • Gorduras totais – 0,7g.
  • Fibras alimentares – 1,4g.

Além o alecrim é rico em vitamina A, vitamina C, vitamina K, vitaminas B1, B2 e também a B6. É rico nos nutrientes ferro, cálcio e fósforo. Tanto nutriente é o que confere ao alecrim os diversos benefícios por ele proporcionados.

Como usar a erva?

O alecrim pode ser usado como tempero e fica muito bem na preparação de carnes de porco e também em molhos para acompanhar assados e alimentos defumados.

Também fica muito bom na preparação de chás e infusões aromáticas e é perfeito quando usado com batatas, sendo esse o legume que mais combina com ele.

Chá de alecrim

O chá de alecrim além de ser muito gostoso oferece todos os benefícios proporcionados por essa planta. Para fazer esse chá o recomendável é que se use a erva fresca.

Para preparar o chá você precisará de duas colheres de sopa das folhas de alecrim e de um litro de água. Ferva a água e desligue o fogo, adicione o alecrim e tampe, deixando descansar por aproximadamente 15 minutos antes de tomar.

chá de alecrim

Contraindicações e efeitos colaterais

Essa erva deve ser evitado principalmente por grávidas e também aquelas que estejam amamentando. Ele também não é indicado para pessoas que sofram com algum tipo de convulsão e também aqueles que possuem dificuldades de coagulação sanguínea, não podendo ser usado por pessoas que fazem uso de aspirinas.

Quando consumido em excesso ele pode causar efeitos colaterais indesejáveis como náuseas, irritação nos rins, vômitos, avermelhamento da pele, sangramento uterino, reações alérgicas e até mesmo aumento da sensibilidade da pele aos raios solares.

Recomendamos para você:



1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem Votos Ainda)
Loading...

Comentar