Dieta das proteínas

A dieta das proteínas tem duas vantagens em si, uma descoberta por conseqüência da outra. Quando uma pessoa em hipertrofia deseja aumentar seu ganho em massa muscular, começa a seguir uma dieta que aumenta sua proporção de proteínas. Por outro lado, uma pessoa em processo de perda de peso também pode se aproveitar de uma dieta de proteínas para conseguir alcançar seus resultados de forma mais eficiente!

Vamos falar da dieta das proteínas para pessoas interessadas em perder peso, com todas as suas vantagens e conseqüências.

dieta da proteina

Como a dieta das proteínas funciona?

A dieta das proteínas é uma excelente escolha para pessoas que buscam um emagrecimento, gosta muito de carne e outros alimentos ricos em proteínas e estão em um programa de exercícios um pouco mais intenso do que a caminhada básica. Não é necessário um treino pesado de hipertrofia, mas um pouco de exercícios de força e resistência, em conjunto com a dieta de proteínas, trará um resultado em emagrecimento e fitness para a pessoa que compensará os possíveis efeitos colaterais.

A dieta funciona, bem basicamente, substituindo parte do consumo de carboidratos por proteínas, que são de digestão mais complexa e demoram mais tempo para ser absorvidas pelo corpo. Por isso mesmo Caso você faça uma rotina de muitos exercícios de gasto rápido de energia, como esportes de explosão e similares, é importante não exagerar na diminuição de carboidratos, já que a quantidade de energia nestes esportes precisa ser alta.

Respeitando estes limites e conseguindo equilibrar as gorduras (a maior restrição da dieta das proteínas é conseguir controlar as gorduras, que acabam estando presentes em várias opções de alimentos ricos em proteínas), a dieta das proteínas pode ser uma excelente opção para uma perda rápida, já que ela não pode ser mantida por muito tempo.

Existem contra indicações na dieta das proteínas?

A dieta de proteínas tem algumas contra indicações, que devem ser seriamente levadas em consideração antes de ser iniciada:

  • NÃO FAÇA esta dieta se você tiver problemas nos rins e no fígado. Ela aumenta consideravelmente o trabalho destes dois órgãos, o que pode agravar seu quadro caso a dieta seja feita.

  • Você poderá ter mau humor quando iniciar a dieta, pois seu corpo terá mais dificuldade de absorver a energia e menos serotonina dos açúcares provenientes da ingestão de carboidratos. Leve isto em consideração e compense esta perda de hormônios da satisfação com exercícios, que produzem o mesmo hormônio.

  • Além disso, é comum apresentar também um pouco de dor de cabeça, enjôo fraqueza nos primeiros, dias. Se qualquer destes sintomas passarem de três dias, interrompa a dieta e consulte um nutricionista.

Com todas estas dicas, você fará excelente uso de mais esta possibilidade de dieta para você!

Recomendamos para você:



1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 do total de 5)
Loading...

Comentar