Dieta dos passos

O número de dietas diferentes que aparece a cada dia é surpreendente. Na busca desenfreada pelo emagrecimento nem sempre motivada pela saúde, existem dietas até que restringem a alimentação para apenas um grupo de alimentos. Frequentemente, a maioria das dietas também esquece um fator importantíssimo para a perda de peso: o gasto de energia maior que seu consumo, através de exercício físico. Movendo-se na contramão, a Dieta dos Passos surgiu para mudar isso. Se interessou? Leia mais a seguir.

dieta-dos-passos

O que é?

O professor de Educação Física Renato Dutra lançou o livro Dieta dos Passos e através dela pode-se perder até três quilos por mês. Mesmo quem não tem tempo para a academia pode fazer esta dieta, já que a ideia é usar um pedômetro – aparelho que conta a quantidade de passos dados – ao longo do dia. Essa dieta se baseia na ideia de que é mais importante acumular passos ao longo do dia, se movendo constantemente, do que se matar de exercitar por pouco tempo.

O que comer?

A dieta, diferente de muitas por aí, não apresenta grande grau de restrição. Sugere-se que o consumo de frutas, legumes, cereais e carne magra sejam frequentes, mas nada de “não se deve comer alimento x nem y por uma semana”. A única restrição levantada pela Dieta dos Passos, que nem é exatamente uma restrição, é buscar comer 25% menos. Por exemplo, se suas porções são de 200g, passe a comer 150g. A ideia dessa diminuição é gerar menor ganho de calorias enquanto você aumenta se gasto enquanto caminha, favorecendo o emagrecimento. Além disso, você não passará fome, mas aprenderá a comer porções menores e a praticar a parcimônia se tratando da alimentação.

10000 passos

É a hora de pôr o exercício em prática. A meta da Dieta dos Passos é que você caminhe 10.000 passos por dia, mas você não começa assim tão adiantado. Na primeira semana, deve contabilizar 500 passos por dia. Já na segunda, aumentam-se mais 500 passos e assim vai, até serem 10.000 – não tente fazer tudo isso de uma vez, já que isso irá te cansar em demasia e provavelmente te desmotivar rapidamente. Mesmo que pareça muito, esse é o equivalente a uma caminhada de 1h. Vale a pena ir à pé para o trabalho ou faculdade, circular pelo escritório, fazer a feira, passear com o cachorro, sair para dançar e até passear no shopping. A ideia é que você se mantenha sempre em movimento para aumentar seu gasto calórico e perder peso, acumulando atividade física ao invés de focar na atividade contínua.

Vantagens dessa dieta

  • Sem restrição de alimentos
  • Sugere a prática de exercícios
  • Sugere cardápio equilibrado
  • Objetivos simples e fáceis de seguir
  • Projetado por um profissional de Educação Física

Desvantagens

  • Necessita de um pedômetro
  • Não tem instruções exatas sobre a alimentação
  • Requer orientação de um nutricionista
  • O autocontrole é muito necessário (já que não há restrição)
  • Pode desgastar as articulações de pessoas com sobrepeso

Recomendamos para você:

Share this post

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem Votos Ainda)
Loading...

Comentar