Dietas para emagrecer rápido

Emagrecer é um processo que demanda tempo, dinheiro e esforço, já que para fazer isso de modo a conservar sua saúde, é preciso investir em uma mudança de estilo de vida, praticando mais exercícios e comendo corretamente. Entretanto, algumas pessoas que querem perder peso preferem o caminho mais rápido, que nem sempre garante o melhor resultado para a saúde. Saiba um pouco mais sobre as dietas de emergência – regimes que duram de três a quinze dias para perder peso rapidamente.

dieta para emagrecer rápido

Alimentação hiperprotéica

A grande maioria dessas dietas possui cardápios prontos, e as que não são dietas exclusivamente líquidas, sempre incluem uma grande dose de proteína animal nas refeições, como carne vermelha, ovos e laticínios. A escolha desses alimentos acontece porque o corpo humano leva mais tempo para digerir a proteína, gastando mais energia ao fazê-lo e tendo sensação de saciedade por mais tempo. Entretanto, como os cardápios têm baixíssimo consumo de carboidratos, o macronutriente responsável pela energia que utilizamos, é possível que você sinta cansaço e fraqueza enquanto realiza essa dieta.

Grande restrição

Para gerar emagrecimento, essas dietas são extremamente restritivas. Isso significa que as refeições podem se tornar cansativas e sem graça com o passar do tempo, além de serem pequenas e não satisfazerem a fome, aumentando as chances de que nem todo mundo consiga realizar a dieta até o final e apele para a compulsão alimentar. A pouca variedade de alimentos garante que não há nutrientes o suficiente para o organismo absorver e funcionar normalmente.

Dieta líquida

As dietas exclusivamente líquidas são especialmente perigosas, pois como não há mastigação, o cérebro não recebe sinais de que comemos o suficiente. Isso pode gerar uma fome enorme, além de sensibilizar o trato digestivo. Esse tipo de dieta sugere que você volte a se alimentar com refeições leves a princípio, o que pode ser bem difícil considerando os níveis de fome.

Perda de água e massa magra

A perda de peso nesses casos não se constitui de gordura, e sim de água e massa magra. Por um lado, se a água não for reposta, há grande risco de desidratação já que algumas dietas incluem alimentos diuréticos, que aumentam a produção de urina. Por outro, como o corpo não tem fontes de energia (carboidratos) irá começar a utilizar as células musculares para o mesmo fim.

Risco de flacidez

Emagrecer lentamente é melhor para sua saúde em geral, já que seu organismo começa a se acostumar a viver com menos peso, mas também para a estética: emagrecimentos muito pronunciados em pouco tempo têm grandes chances de virem com flacidez. A flacidez é um tipo de afrouxamento das fibras de sustentação da pele, dando aparência mole aos membros do corpo.

Valor calórico x Valor nutricional

Essa dieta valoriza, sobretudo, o valor calórico dos alimentos. Isso pode tornar comer uma experiência desagradável, visto que está relacionada a tanto sofrimento como fome, fraqueza, diarréia, dores de cabeça, etc. Comer é uma das atividades mais prazerosas para o ser humano e não é atoa.

Recomendamos para você:



1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem Votos Ainda)
Loading...

Comentar