Vasodilatadores

O padrão cultural de uma sociedade dita a forma física considerada mais atraente em uma determinada faixa de tempo, e atualmente, um corpo com músculos tonificados é o mais desejável. Entretanto, alguns atletas vão além desse padrão: eles querem muita força física e músculos grandes e definidos, seja para competir, seja simplesmente por estética. Para alcançar esses objetivos, a cada dia são descobertas novas fórmulas para potencializar o desempenho na academia, sendo que os suplementos vasodilatadores se encaixam nessa categoria. Leia e saiba mais.

vasodiltadores

O que são?

Suplementos vasodilatadores são complementos usados para potencializar a hipertrofia em treinos de alto impacto, por conta de seus efeitos positivos no combate à fadiga durante o treino. Eles são considerados pré-treinos, pois devem ser consumidos antes de começar o exercício.

Quais os ingredientes?

O ingrediente mais comum e que promove os efeitos causados é uma combinação de L-arginina e L-citrulina, que promovem a produção de óxido nítrico (NO2) pelo organismo. É o óxido nítrico o responsável pela vasodilatação. Como seu consumo é pré-treino, é comum que haja também algum estimulante na fórmula, como é o caso da cafeína.

Quais são seus efeitos?

O nome já é bastante didático, mas basicamente a ideia por trás dos vasodilatadores é expandir os vasos sanguíneos de modo a aumentar a irrigação do tecido muscular com mais nutrientes e oxigênio. Essa ação vasodilatadora faz com que a fadiga diminua e estimula o aumento de intensidade no treino. Isso não só melhora o desempenho do atleta ao realizar um exercício, aumentando sua força física, como auxilia no ganho de massa muscular magra por causa disso.

Como consumir?

Atletas que fazem uso desse suplemento costumam ingeri-lo por doze semanas seguidas (três meses) tomando todos os dias, cerca de uma hora antes do exercício, e depois fazer uma pausa de quatro semanas (um mês). Essa pausa também costuma ser feita com outros suplementos, para que o corpo não se acostume muito rápido com o “efeito pump” que o NO2 causa e ele pare de agir com tanta eficácia.

Diferentes fórmulas

O mais interessante no mercado de suplementos para atletas é pesquisar o que há de mais recente no mercado, pois especialmente no caso de vasodilatadores, pode haver algum produto específico que não só garante uma boa dilatação mas também garanta que ela dure por mais tempo.

Efeitos colaterais

Quando consumidos de acordo com as instruções do fabricante, é pouco provável que apareçam efeitos colaterais. Porém, o excesso de vasodilatação pode causar queda na pressão arterial e sobrecarga do coração, já que o espaço para a passagem do sangue fica maior e o coração precisa bombear com mais força para que isso aconteça. Alguns sintomas possíveis são:

  • Dor de cabeça
  • Tontura
  • Náuseas
  • Erupções cutâneas
  • Arritmia
  • Retenção de líquido

É importante entender que os componentes de um vasodilatador não alteram os vasos do coração e que a queda da fadiga está ligada exclusivamente à melhor irrigação sanguínea dos músculos e não de interferências no sistema nervoso central.

Recomendamos para você:



1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem Votos Ainda)
Loading...

Comentar