Adesivo para parar de fumar: Saiba tudo sobre esta opção de tratamento!

Adesivo para parar de fumar

Quem está tentando parar de fumar tem o adesivo para parar de fumar como aliado, no que é conhecido como “Terapia de Reposição de Nicotina”. Essa terapia introduz doses menores de nicotina no organismo. Assim o fumante não terá uma abstinência dessa substância, que é a responsável pelo vício no cigarro.

O adesivo para parar de fumar não contém as outras quase 5 mil substâncias tóxicas que tem no cigarro. Isso inclui o alcatrão, que é uma das substâncias mais nocivas ao organismo e o monóxido de carbono. Por isso ajuda no processo largar o cigarro e a desintoxicar.

Nesse artigo vamos falar tudo que você precisa saber sobre o adesivo para parar de fumar e esclarecer todas as dúvidas que você possa ter caso esteja pensando em iniciar o seu tratamento. Veja as informações!

Como funciona o adesivo para parar de fumar

O adesivo para parar de fumar, também conhecido como adesivo de nicotina, é colocado sobre a pele em uma parte do corpo. Esta parte não pode ter pelos, oleosidade e dobras (como cotovelo). Também não pode ficar exposta ao sol (como as costas, por exemplo). Ele vai liberando gradualmente pequenas doses de nicotina durante 24 horas. O pico de absorção acontece entre quatro e nove horas após o contato com a pele.

O adesivo deverá ser trocado 24 horas depois de ser colocado. O novo adesivo deve ser colado em uma parte diferente do corpo. O ideal é que ele seja colado ao acordar, para funcionar durante todo o dia e evitar a fissura que acontece logo pela manhã. Você deve evitar tomar o café preto nesse período.

O adesivo para parar de fumar é vendido em doses de 7, 14 e 21mg. O esperado é que com o tempo a necessidade de nicotina vá diminuindo. Pacientes que começam com uma dose maior podem finalizar o tratamento (que pode durar até 12 semanas) com um adesivo com dosagem menor, de acordo com a sua necessidade e com a quantidade de cigarros que costumava fumar por dia.

Além de reduzir a vontade de fumar, o adesivo também reduz outros sintomas relacionados à síndrome de abstinência. Entre eles estão: irritabilidade, raiva, ansiedade, agitação, insônia e dificuldade de concentração.

Adesivo para parar de fumar

Como usar o adesivo para parar de fumar

Além das instruções sobre onde colar o adesivo para parar de fumar, é importante informar que tanto a dosagem quanto o tempo de tratamento pode variar de pessoa pra pessoa. Esta variação irá ocorrer de acordo com a quantidade de cigarros que a pessoa fuma por dia. O resultado esperado é que a dose vá diminuindo durante o tratamento até que a pessoa se livre completamente da nicotina.

Pessoas que fumavam 20 ou mais cigarros por dia normalmente seguem o tratamento por 12 semanas com o seguinte esquema de dosagens:

  • Semanas 1 a 4 = uso de adesivos de 21 mg
  • Semanas 5 a 8 = uso de adesivos de 14 mg
  • Semanas 9 a 12 = uso de adesivos de 7 mg.

Já as pessoas que fumam entra 10 e 15 cigarros por dia podem fazer o tratamento durante oito semanas, iniciando com uma dosagem menor:

  • Semanas 1 a 4 = uso de adesivos de 14 mg
  • Semanas 5 a 8 = uso de adesivos de 7 mg.

Onde comprar?

O adesivo para parar de fumar é vendido em farmácias e sites e pode ser comprado sem receita médica. Caso queira conferir na Onofre você encontra opções de adesivos de nicotina. Para conferir preços e opções basta clicar no botão abaixo.

O adesivo para parar de fumar funciona mesmo?

O cigarro é considerado um dos vícios mais difíceis de se largar. Por isso, muitas vezes o adesivo sozinho pode não ser o suficiente, exigindo mudanças na sua alimentação e na sua rotina, além de tratamentos paralelos, que podem te ajudar a parar de fumar mais rapidamente.

Você pode comprar chicletes de nicotina, que também são vendidos nas farmácias sem receita, para mascar em momentos de fissura (que é a vontade intensa de fumar). Mas como o chiclete também tem nicotina em doses de 2mg e 4mg , indicamos que você vá a um clínico geral ou pneumologista para que ele indique o melhor tratamento para o seu caso e evite uma superdosagem de nicotina.

Adesivo para parar de fumar

Efeitos colaterais do adesivo para parar de fumar

O único efeito colateral registrado (em pequena escala) é irritação na pele, no local que o adesivo é colado. Também não existem contra-indicações.

Gostou das nossas dicas? Compartilhe com a gente sua opinião deixando seu comentário!

Recomendamos para você:



1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 do total de 5)
Loading...

3 thoughts on “Adesivo para parar de fumar: Saiba tudo sobre esta opção de tratamento!

  1. a irritação na pele e a depressão é phoda(me perdoem) mas doe demais, muitos amigos que largaram diz que é falta de vergonha na cara. vergonha e caráter eu tenho, mas não consigo largar de fumar e nem por isso sou sem vergonha ou sou mau caráter. Poxa estou fazendo 3 cursos de TI e quero largar a mão desta merda ,to sofrendo e não quero mão em minha cabeça e nem sermão, quero ajuda porra , é tão difícil alguém me ajudar??? me ajudem pelo amor de DEUS

    Responder
    1. E complicado mesmo cara, vc tem q realmente querer e se imaginar daqui a alguns anos sem conseguir dar 3 passos pq tera falta de ar. Estou ha 2 meses sem fumar, o adesivo “passa um pano” legal, e va se viciar em algum esporte, nem q seje uma caminhada diaria de 30 min no inicio. Muita força no começo e nas primeiras semanas fuja da balada e bebedeiras. Vai dar certo!!!
      Ps: importante, nos momentos de fissura infomacel, beba agua, bastante agua

      Responder
    2. Eu fumei por muuuuuitos anos. Quase duas décadas e meia. Parei com acompanhamento médico usando os adesivos de nicotina e cloridrato de bupropiona. Fiquei 03 meses sem fumar. E nem sentia falta. Porque o problema não é apenas o vício. O vício na nicotina é combatido com os adesivos e o anti-depressivo. O problema maior é o hábito: fumar após tomar um café, fumar após almoçar ou jantar… etc… Se for usar adesivo e anti-depressivo, deixe por conta deles o vício de nicotina e combata o hábito com caminhadas, mudança de rotinas, etc… Funciona. Agora você se pergunta: se funciona, por que você ficou três meses sem fumar e voltou? De burrice extrema. Eu briguei e para provocar eu fumava para empestiar a casa de fumaça. Quando vi, estava na quantidade de costume. Agora estou novamente nos adesivos e no BUP. E estou indo bem.
      Boa sorte, cara. Precisando de força, sempre haverá uma mão amiga para socorrer.

      Responder

Comentar