Slackline e seus benefícios

Começado nos EUA nos anos oitenta e chegado ao Brasil em 1995, o Slackline tem ganhado cada vez mais participantes no país. Ele exercita o equilíbrio, promove bem estar psíquico e ainda ajuda a queimar muitas calorias. Conheça um pouco mais sobre esse esporte inusitado.

slackline

O que é o Slackline

Slackline é um esporte de equilíbrio praticado sobre uma fita de nylon esticada e tracionada entre dois pontos fixos, como árvores ou postes. Os participantes têm de se manter de pé ou fazer saltos sobre ela, e chegar ao outro lado sem caírem.

História do Slackline

Também conhecido como corda bamba, o Slackline foi desenvolvido por escaladores que esticavam as cordas de escalar entre pontos fixos e ficavam se equilibrando. O esporte se popularizou no Brasil apartir dos anos 2000, principalmente por ser praticado frequentemente nas praias do Rio de Janeiro.

Benefícios

  • Abdômen tonificado – A necessidade de equilíbrio exige trabalho constante dos músculos do abdômen.
  • Pernas de campeão – Os membros inferiores recebem estímulos o tempo todo e são responsáveis por sustentar o corpo na fita, apesar de sua oscilação.
  • Afaste as lesões – Por conta do fortalecimento da musculatura profunda e melhora do equilíbrio, a prática de slackline previne torções e quedas além de diminuir a chance de lesões.
  • Mande embora o estresse – Por conta de requerer concentração o tempo todo, o esporte não dá lugar para outras preocupações.

Quem pode praticar

Crianças, adultos, idosos e até portadores de deficiências podem ver grandes benefícios na prática do slackline, como melhora da confiança em si mesmo e fortalecimento das pernas. Entretanto, o esporte deve ser praticado com as devidas formas de segurança exigidas por cada tipo de pessoa.

Modalidades

  • Trickline: é a versão mais comum e fácil, preferida pelos iniciantes. Nela, o praticante não faz performances acrobáticas, mas utiliza posições estáticas.
  • Jumpline: uma verdadeira atividade aeróbica, nessa versão do slackline a fita é mais larga e é mais elástica. Isso possibilita que quem esteja atravessando a fita realize saltos e seja impulsionado pela própria fita.
  • Waterline: também boa para iniciantes, essa versão é praticada sobre a água, seja o mar ou a piscina. Dessa forma, quem cair não terá nenhum risco de se machucar.
  • Longline: também trabalhando o músculo das costas por exigir maior equilíbrio por mais tempo, essa é a versão longa do slackline, como bem diz o nome. Enquanto a corda normal tem cerca de 12m, essa corda possui 20.
  • Highline: esse é o slackline radical. É praticado apartir dos 5m de altura, e os praticantes têm de usar aparelhos de segurança e a fita suporta um peso maior. Requer bastante experiência e grande preparo físico.

Cuidados a serem tomados

  • Instalar protetores de árvores antes de colocar a fita tracionada
  • Escolher árvores de pelo menos trinta centímetros de diâmetro
  • Se equilibrar sobre a fita descalço ou com calçado de solado mais rígido
  • Utilizar a fita a pequenas alturas do chão, para que os praticantes não se machuquem quando caírem
  • Realize o esporte sobre a areia, grama ou água para amortecer a queda

Recomendamos para você:

Share this post

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Comentar