Creatina: opções, preços, como tomar e muito mais

A Creatina é um aminoácido produzido pelo nosso corpo pelos rins e fígado, que também podemos consumir através do consumo de carne e outros produtos animais. É uma substância que é bem absorvida pela tecido muscular ajudando na formação de ATP, que nada mais são que fontes de energia para o corpo.

creatina

 

Tais fontes de energia podem ser convertidas em atletas e praticantes de musculação como forma de aumento de intensidade nos exercícios físicos, por mais tempo, com ganho de massa muscular maior e mais rápida.Como suplemento, é um dos tipos de proteínas mais buscados e vendidos no mercado, afinal é o único suplemento que garante resultados realmente eficazes, funcionalmente de modo praticamente perfeito quando bem usada.

Onde comprar creatina?

A netshoes oferece a creatina em seu catálogo a ótimos preços! Vale a pena dar uma conferida nesse e em outros suplementos que possam lhe interessar:

netshoes - comprar creatina

Tipos de Creatina

Há vários tipos no mercado. São eles:

Creatina Monoidratada

É a forma mais comum da Creatina e é como o suplemento é encontrado. Praticamente obrigatório para quem busca aumento de massa muscular. É a forma mais barata, mesmo em suas melhores marcas. As marcas provenientes da Alemanha são um pouco mais caras, porém garantem qualidade e eficácia do produto.

Creatina Micronizada

Consiste na forma monoidratada que passou por um processo de refinamento maior, sendo então mais fácil e rápido de diluir e digerir. Recomendado para quem não “acostumou” com a densidade da monoidratada. É um pouco mais cara que a outra.

Creatina em cápsulas

É o modo mais conveniente de consumir a creatina, sem precisar dissolver ou diluir. É o modo mais caro, consequentemente. Dê preferência para a micronizada, tem mais rápido efeito, só compre em cápsulas se a anterior incomodar você durante o consumo.

creatina

Creatina líquida

Ela é a forma líquida da creatina monoidratada tradicional, porém tem menor prazo de validade e não vale apena pagar mais pelo mesmo efeito da outra que é mais barata.

Creatina Etil Ester

É outra forma de rápida absorção no organismo, se desintegrado mais facilmente. Contém menos estabilidade, menor prazo de validade e é tão eficiente quanto a monoidratada.

Creatina + Suplemento X

Existem vários suplementos que combinam a creatina com outro suplemento, podendo ser malto, glutamina, entre outros. Custam bem mais caro e contém menos dela em sua composição. Existem suplementos com a creatina pura, opte por eles e tenha melhor custo-benefício.

Como tomar?

Seja em pó ou líquida, ambas têm mesmo efeito, você pode misturar com alguma bebida, podendo ser no shake de proteína pré e/ou pós-treino. Pode tomar também em dias que não treina, misturando com água, suco não cítrico ou chá gelado. Quanto à sua forma em pílula, basta engoli-la antes ou depois do treino com algum líquido para ajudar a descer.

Quanto ao número de vezes a se tomar por dia, vai depender da quantidade de creatina nas suas doses. Se você toma menos de 5 gr por dia, tome sua dose uma única vez ao dia, já se for mais que isso, divide durante o dia para facilitar ingestão e digestão, sendo uma pela manhã e pela noite. Um modo para os “marombas” tomarem é diluir o pó da creatina e do Whey protein na água e tomar de uma vez!

Tanto faz se você tomar antes ou depois do treino, mas aparentemente é mais eficaz no pós-treino, afinal seus músculos estão calorosos e absorvem mais fácil o poder da proteína.

Efeitos colaterais

Há boatos de que ela sobrecarregue o fígado e os rins, mas estudos não encontraram nenhuma evidência. A suplementação a longo prazo também é considerada segura. Existem alguns problemas para quem está no início do consumo do produto, afinal o corpo está se adaptando a esse elemento em maior quantidade. Após acostumar, não há nenhum efeito colateral comprovado. Caso houver algo de estranho com você, consulte um médico.

Recomendações

  • Não demore após dilui-la em algum líquido, corre risco o efeito passar, portanto beba imediatamente após a mistura. Sendo assim, é errado levar na garrafinha para a academia.
  • Beba muita água o tempo todo, ajuda os músculos a absorverem a creatina.
  • Evite a cafeína, pois muitos acreditam que ela é diurética e estimula a desidratação.
  • Faça ciclos com e sem creatina. Exemplo: Tome por 4 semanas e fique 1 sem tomar. Consulte seu médico para orientar sobre essa pausa.
  • Cada corpo reage de forma diferente, portanto você poderá sentir cãibras.

Esse artigo foi útil para você? Conta pra gente nos comentários!

Recomendamos para você:

Share this post

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem Votos Ainda)
Loading...

6 thoughts on “Creatina: opções, preços, como tomar e muito mais

  1. Amei as dicas também,importantíssimas eu tomo de 3g e como estou tomando o BCAA também,esta tomando só uma capsula ao dia,e se eu entendi bem ,o q esta escrito anteriormente , Se você toma menos de 5 gr por dia, tome sua dose uma única vez ao dia,então estou fazendo certo,obrigada pelas dicas q foi de grande valor para mim !!

    Responder

Comentar